Godless Seriado faroeste da Netflix muito bom

Para quem gosta dos filmes de faroeste americano o seriado lançado recentemente pela Netflix é uma baita pedida.

Godless  retrata acontecimentos de uma cidade onde todos os homens da cidade morreram em um acidente na mina, deixando mulheres,  crianças e idosos.  Para piorar a situação um bandido com um bando de mais de 30 homens circula pela região matando e roubando.

 

Por ser um seriado, apesar de ter apenas uma temporada,  Godless tem uma evolução muito interessante da história,  permitindo conhecer os personagens e suas histórias.

Com até mesmo algumas semelhanças de cenografia dos clássicos filmes do gênero e com uma fotografia incrível,  as histórias dos personagens vão tomando forma e o espectador vai ficando cada vez mais curioso em ver o que está por acontecer. Eu comecei a assistir o primeiro episódio e só parei no último.  Uma maratona inesperada mas muito bem vinda. Então já fica a dica, separe um bom tempo pra assistir a temporada completa,  você vai querer ir vendo episódios após episódio sem parar.

Existem alguns diferenciais que eu achei incrível no filme. Para começar o filme retrata o poder e resiliência das mulheres, algo que em muitos dos filmes de faroeste americano não existe. Entre mulheres habilidosas, inteligentes e muito capazes, e em maioria dos casos mais capazes que os homens, o filme tem toda a dureza que é esperada mas com um toque do verdadeiro empoderamento feminino e ficou muito bom. Além disso, existe romance homo afetivo, entre personagens fortes e importantes da série. Ateísmo é também amplamente disseminado entre os personagens do filme, que evidentemente sempre existiram. Achei divertido essa parte pois demonstra de certa forma a fraqueza da religião e da fé, sendo totalmente inútil (e também ausente) durante todo percurso do seriado.

Para mim um excelente seriado, recomendo com certeza absoluta!

 

Comentários

Ricardo Cury

Desenvolvedor de websites desde 1998. Diretor de negócios da Delta Design, autor de conteúdo no RGSTur, Desenvolvedor do Revista Internet, Webmaster no O Café, desenvolvedor do Turismo de Compras, videomaker, produtor e criativo em diversos projetos web. I LOVE INTERNET